Susan Sarandon é presa durante protesto contra Donald Trump                              Atriz foi detida com outras 575 mulheres.

30 JUN 2018
30 de Junho de 2018

Susan Sarandon estava entre as 575 mulheres presas em Washington, nessa quinta-feira (28/06), após um protesto contra Donald Trump e sua política de "tolerância zero" a imigrantes ilegais, em um escritório do Senado no Departamento de Justiça.

A atriz twittou extensivamente durante o comício, no qual ela e outros manifestantes criaram cartazes exigindo o fim dos campos de imigração e declarando: "Nós nos importamos" - uma referência à polêmica jaqueta usada pela primeira-dama Melania Trump, quando visitava um centro de detenção na semana passada.

Sarandon vem encontrando hostilidade desde a eleição de Trump, quando sugeriu que as pessoas votassem na candidata Jill Stein, reduzindo potencialmente o número de votos para Hillary Clinton. Durante as eleições a atriz ainda afirmou: “Não voto com minha vagina", ao explicar que não pretendia votar na candidata democrata.

Após ser solta, a atriz falou sobre sua prisão: "Presa. Mantenha-se forte, continue lutando".
Voltar


Tenha você também a sua rádio